• A TRIPARTIÇÃO DA ALMA:

    Por: João Arruda “Entre mim mesmo e mim Não sei que se levantou, Que tão meu imigo sou.” Camões. O que falar deste misto de desejos imperiosos que parecem fazer tracção de corda, que puxam e repuxam medindo a força e a resistência destes que parecem serem e não serem eu e minha vontade; que

  • AS QUATRO CAUSAS ARISTOTÉLICAS:

    Por: Juliana Vannucchi e Paulo Pedroso As “quatro causas” encontram-se presentes em um conjunto de escritos de Aristóteles, intitulados pelo filósofo grego de “Filosofia Primeira”, que posteriormente, após ter sido organizado por Andrônico de Rodes, ficou conhecido como “Metafísica”.      Nesta obra, Aristóteles empenhou-se especialmente em investigar “o ser enquanto ser“, ou seja, o ente em

  • DEFESA DE SÓCRATES – PLATÃO:

    Por: Juliana Vannucchi   Sócrates (469 a.C-399 a.C) foi um dos maiores filósofos da história do pensamento ocidental, e até hoje seu legado é amplamente estudado e discutido dentro e fora do meio acadêmico. O pensador grego, no entanto, não escreveu nenhum livro, e o que se conhece a respeito de sua vida e filosofia

  • ARISTÓTELES:

    Por: João Arruda   Se a característica essencial do homem é a racionalidade, qual seria o meio para a felicidade, senão o aperfeiçoamento desta característica? Aristóteles nos diz que o homem que deseja viver bem, deve viver sempre segundo a razão. Entretanto, ele não é apenas razão, e possui em si algo de alheio a

  • QUEM FOI SÓCRATES?

    Por: João Arruda Ao estudarmos filosofia antiga é injusto não estudarmos Sócrates, pois foi grande o impacto causado por sua presença em Atenas. Tão injusto, também é que ao querer remontar a imagem de Sócrates, deparamo-nos com diferentes personagens criadas por seus discípulos e contemporâneos, e ante as mesmas, surge a pergunta: O que há

  • O ANEL DE GIGES – PLATÃO:

    Por Juliana Vannucchi O Anel de Giges é uma história pertencente a u, texto presente nos Livros II e III da obra A República, de Platão. Trata-se de um diálogo entre Glauco e Sócrates, no qual ambos refletem sobre a justiça e a injustiça. É válido mencionar que este referido tema que tange o contexto

  • A FILOSOFIA DE SÓCRATES:

    Por: Juliana Vannucchi e Pedro Bracciali A FILOSOFIA DE SÓCRATES: Sócrates nasceu no subúrbio de Alopeke, em Atenas, por volta de 470-469 a.C, e tornou-se um dos principais pensadores da história da Filosofia ocidental. Sua mãe era uma notável e conhecida parteira e seu pai era escultor. O filósofo não deixou nenhum legado escrito, e

  • AS DIFERENTES FONTES SOBRE SÓCRATES:

    Por Juliana Vannucchi     AS DIFERENTES FONTES SOBRE SÓCRATES: Um dos principais aspectos mencionados quando se fala em Sócrates, é o fato de que o pensador não deixou nenhum registro escrito. O que hoje se sabe a seu respeito, é o que foi transmitido por alguns testemunhos de sua época, dentre os quais três são

  • Apologia de Sócrates – Xenofonte:

    Por: Juliana Vannucchi “Verdadeiro vencedor é aquele que durante toda a vida não cessou de praticar ações úteis ou corretas”. – SÓCRATES.    As obras de Xenofonte, ao lado das de Platão e Aristófanes, constituem uma das principais fontes sobre a vida e filosofia de Sócrates, pensador grego de extrema relevância para a Filosofia Ocidental,