• PITÁGORAS DE SAMOS:

    Por: Juliana Vannucchi “Você sabe ou já se perguntou como surgiu palavra “filosofia”? Sua origem costuma ser atribuída a Pitágoras. Conta-se, que, certa vez, ele fora abordado pelo príncipe Leonte, que lhe perguntou qual seria a natureza de sua sabedoria e, obtive a seguinte resposta para tal indagação: “Sou somente um filósofo” (do grego “philo”

  • AMOR FATI: Um convite para amar o mundo como ele é:

    Por: Juliana Vannucchi e Alessandro Olivieri     O Amor Fati (cuja tradução do latim pode ser compreendida como “amor ao destino”) é um dos principais conceitos que compõe a vasta e rica filosofia de Friedrich Nietzsche. Não há uma obra em particular na qual o pensador alemão discorra especificamente sobre este assunto, mas a expressão

  • A COSMOLOGIA ESTOICA:

    Por: Juliana Vannucchi O Estoicismo foi uma escola filosófica do Período Helenístico, fundada no início do século III a.C, em Atenas por Zenão de Cítio, sob influência de Sócrates, do Cinismo e do Epicurismo. Em 155 a.C, foi levada para Roma, e lá conquistou novos e importantes adeptos, tal como Marco Aurélio, Lucano, Epiteto e

  • CARTA A MENECEU – Epicuro:

    Por: Juliana Vannucchi Epicuro nasceu na ilha de Samos em 341 a.C e faleceu em Atenas, por volta de 271/270 a.C. Foi fundador do Epicurismo e um dos principais expoentes fo período da filosofia helenística. Durante sua juventude, inicialmente estudou filosofia com Pânfilo  e depois com Nausífanes de Téos até que, em 306 a.C, em

  • FILOSOFIA MEDIEVAL – Introdução:

    Por: Juliana Vannucchi A Filosofia Medieval foi um período da história da Filosofia ocidental que desenvolveu na Europa durante os séculos V-XV. Antes de fornecer alguns aspectos do pensamento filosófico propriamente dito, é importante mencionar que nesse período da história a Igreja Católica possuía grande poder e enorme influência sobre a sociedade europeia, e este

  • O PROBLEMA DO MAL – Santo Agostinho:

    Por: Juliana Vannucchi A “Questão do Mal” ou “Problema do Mal” é um tema amplamente discutido na história da Filosofia, especialmente na Filosofia da Religião, e que foi abordado por inúmeros pensadores ao longo da história, principalmente durante a Idade Média, período que, na Filosofia, caracterizou-se (entre outros aspectos) por uma tentativa de conciliar fé

  • AS NOÇÕES DE DÚVIDA CÉTICAE DO COGITO NA FILOSOFIA DE DESCARTES:

    Por: Luiz Henrique Zanatta Semeler Este texto é baseado na obra Meditações Metafísicas, de René Descartes e se propõe a explicar os graus da dúvida cética que se encontram na Primeira Meditação, e também a maneira pela qual o filósofo francês chegou ao cogito ergo sum na Segunda Meditação. Talvez o problema mais notável presente

  • ANAXÍMENES:

    Por: Juliana Vannucchi Anaxímenes de Mileto (“Mileto é o local onde nasceu. Atual Turquia) viveu na segunda metade do século 6 a. C e foi o terceiro filósofo pré-socrático da Escola Jônica. Foi discípulo e contemporâneo de Anaximandro e escreveu uma obra intitulada “Peri Physeos” (Sobre a Natureza) da qual, hoje, restam apenas fragmentos. Algumas de

  • O ANEL DE GIGES – PLATÃO:

    Por: Juliana Vannucchi O Anel de Giges é uma história que se encontra presente nos Livros II e III da obra A República, de Platão. Trata-se de um diálogo entre Glauco e Sócrates, no qual ambos refletem sobre a justiça e a injustiça. É válido mencionar que este referido tema que tange o contexto desta

  • QUESTÃO DO TEMPO – Santo Agostinho:

    Por: Juliana Vannucchi (…) por onde caminha o tempo, se não pelo presente? (…) Este texto tem como finalidade apresentar resumidamente alguns dos pontos de maior relevância contidos no livro XI, intitulado Questão do Tempo, da obra “As Confissões” de Santo Agostinho. É fundamental esclarecer que, historicamente o pensador acima mencionado fez parte da Filosofia